ANTÓNIO FILIPE

antoniofilipe_a Estreou-se no teatro em 1980, tendo desenvolvido o seu trabalho em companhias como o Teatro Aberto, o Teatro Ibérico, o Teatro do Século, e o Teatroesfera. Trabalhou com encenadores como Fernando Gomes, João Lourenço, Rogério de Carvalho, Inês Câmara Pestana, Luís Assis, Xosé B. Gil, José Carretas, Graça Corrêa, Miguel Loureiro. Foi intérprete em peças de Rojas, Lorca, Valle Inclán, Shakespeare, Sam Shepard, Botho Strauss, Bertolt Brecht, Erdman, Sergi Belbel, Luís Assis, José Carretas e Teresa Faria, Calderon, Joe Orton, Harold Pinter, Graça Corrêa, Landford Wilson e Armando Nascimento Rosa. Ao longo da sua carreira de actor tem desenvolvido trabalho como cenógrafo em diversas encenações.

Nos Artistas Unidos:
2003 - CADA DIA A CADA UM A LIBERDADE E O REINO (Sala do Senado da Assembleia da República).
2004 - TERRORISMO dos Irmãos Presniakov, encenação de Jorge Silva Melo (Teatro Taborda); O AMOR DE FEDRA de Sarah Kane, encenação de Jorge Silva Melo e Pedro Marques (Centro Cultural de Belém); NÃO POSSO ADIAR O CORAÇÃO (Assembleia da República); NO PAPEL DA VÍTIMA dos Irmãos Presniakov, encenação de Jorge Silva Melo (Teatro Nacional D. Maria II).
2005 - MARCADO PELO TIPEX de Antonio Onetti , encenação de João Meireles (Teatro Taborda); CONFERÊNCIA DE IMPRENSA E OUTRAS ALDRABICES de Harold Pinter, Antonio Tarantino, Arne Sierens, Antonio Onetti, Davide Enia, Duncan McLean, Enda Walsh, Finn Iunker, Irmãos Presniakov, Jon Fosse, José Maria Vieira Mendes, Jorge Silva Melo, Juan Mayorga, Letizia Russo, Marcos Barbosa, Miguel Castro Caldas, Spiro Scimone, uma canção de Boris Vian e outros ainda, encenação de Jorge Silva Melo (Teatro Nacional D. Maria II); A FÁBRICA DE NADA de Judith Herzberg, encenação de Jorge Silva Melo (Culturgest); OS ANIMAIS DOMÉSTICOS de Letizia Russo, encenação de Jorge Silva Melo (Teatro Nacional D. Maria II).
2007- AMADOR de Gerardjan Rijnders, ( Convento das Mónicas); HAMELIN de Juan Mayorga, encenação colectiva (Convento das Mónicas); MECENAS, MECENAS (Fundação Calouste Gulbenkian).
2008 - ISTO NÃO É UM CONCURSO (Instituto Franco-Português); NORUEGA-LISBOA-NORUEGA (Fundação Calouste Gulbenkian;São Luiz Teatro Municipal).
2012 - O RAPAZ DA ÚLTIMA FILA de Juan Mayorga (Teatro da Politécnica); PALÁCIO DO FIM de Judith Thompson (Teatro da Politécnica).
2013 - POR TUDO E POR NADA de Nathalie Sarraute encenação de Jorge Silva Melo (Teatro da Politécnica).

Teatro da Politécnica

emilia prog EMÍLIA
de 11 de Setembro a 19 de Outubro
   

Bilheteira

3ª a Sáb. das 17h00 até ao final do espectáculo

Preços:
Normal | 10 Euros
Descontos | estudantes | – 30 | + 65 | Grupos >10 | Protocolos | Profissionais do espectáculo | Dia do espectador (3ª) - 6 Euros

Bilhetes à venda

No Teatro da Politécnica, Reservas | 961960281, 212473972, www.bol.pt, Fnac, Worten, CTT, El Corte Inglês, Pousadas da Juventude, Serveasy, Pagaqui. Para INFORMAÇÕES/RESERVAS: Ligue 1820 (24 horas).

E fora da Politécnica

a voz dos poetas prog A VOZ DOS POETAS
Biblioteca da Imprensa Nacional (Rua da Escola Politécnica)

23 de Setembro – Mário Cesariny por Maria João Luís e Jorge Silva Melo
11 de Novembro – José Gomes Ferreira por João Meireles (distribuição em curso)

EM VOZ ALTA prog EM VOZ ALTA
os nossos poetas leituras de poesia portuguesa pelos Artistas Unidos

Livrinhos de Teatro

K 126 Max Frisch

O SENHOR BIEDERMANN E OS INCENDIÁRIOS / ANDORRA
De Max Frisch
Livrinhos de Teatro nº 126 Artistas Unidos/Cotovia

Livraria online »»

Subscrever Newsletter