JEZ BUTTERWORTH

Nasceu em Londres em 1969. Frequentou a Verulam Comprehensive School, em St Albans e o St John's College, em Cambridge. Escreve para teatro, televisão e cinema, frequentemente em colaboração com os seus irmãos John-Henry e Tom Butterworth. A sua primeira peça, co-escrita com o irmão Tom, foi Cooking in a Bedsitter (1991), uma adaptação da peça com o mesmo título da autoria de Katherine Whitehorn. Entre 1992 e 1993 co-escreveu I Believe in Love e Huge. Para a televisão, co-escreveu Night of the Golden Brain (1993) e Christmas (1996). Alcançou enorme êxito com Mojo, que estreou no Royal Court em 1995, e com a qual ganhou os prémios Laurence Olivier, Evening Standard e George Devine. Em 1997 escreveu e realizou a adaptação fílmica de Mojo, que contou com a participação de Harold Pinter. Pinter é uma grande influência para Butterworth: “Conheço e admiro muito o trabalho de Harold Pinter. Tem uma grande influência. As conversas que travei com ele inspiraram o meu trabalho”. Recebeu óptimas críticas com as peças The Night Heron (Royal Court, 2002), The Winterling (Royal Court, 2006) e Parlour Song (Atlantic Theatre Company, 2008). Em Maio de 2007 recebeu o prémio E. M. Forster da Academia Americana de Artes e Letras. Em 2010 realizou e co-escreveu com o irmão Tom o filme Birthday Girl. A sua comédia Jerusalem estreou no Royal Court em 2009 com óptimas críticas. Descrita como uma “visão contemporânea da vida na verde e agradável Inglaterra”, Jerusalem foi protagonizada por Mark Rylance e apresentava Mackenzie Crook num papel secundário. Teve casa cheia no Royal Court e ganhou os prémios do Evening Standard e do Critic’s Circle. Estreou na Broadway em Abril de 2011, com quase todo o elenco original. Em 2011 Jerusalem foi nomeada para os prémios Tony.
A 26 de Outubro de 2012, O Rio estreou no Royal Court Upstairs, protagonizada por Dominic West, Laura Donnelly e Miranda Raison. Em Novembro de 2014 estreou na Broadway, no Circle in the Square, protagonizado por Hugh Jackman, Laura Donnelly e Cush Jumbo e sempre com encenação de Ian Rickson.

Nos Artistas Unidos
2016 - O RIO de Jez Butterworth (Teatro da Politécnica)

Teatro da Politécnica

Bilheteira

3ª a Sáb. das 17h00 até ao final do espectáculo

Preços:
Normal | 10 Euros
Descontos | estudantes | – 30 | + 65 | Grupos >10 | Protocolos | Profissionais do espectáculo | Dia do espectador (3ª) - 6 Euros

Bilhetes à venda

No Teatro da Politécnica, Reservas | 961960281, www.bol.pt, Fnac, Worten, CTT, El Corte Inglês, Pousadas da Juventude, Serveasy, Pagaqui. Para INFORMAÇÕES/RESERVAS: Ligue 1820 (24 horas).

E fora da Politécnica

fragil 1 prog FRÁGIL
Em Sobral de Monte Agraço, no CineTeatro Sobral a 28 de Abril
Em Sintra, no Chão de Oliva a 4 e 5 de Maio
Em Aveiro, no Teatro Gretua a 8 e 9 de Junho

o rapaz de ucello prog

O RAPAZ DE UCELLO ou aquilo que nunca perguntei ao Álvaro Lapa
No Porto, no Auditório de Serralves, 6 de Maio às 18h00

O Teatro da Amante Inglesa prog O TEATRO DA AMANTE INGLESA
Em Évora, n’A Bruxa Teatro a 11 e 12 de Maio
Em Alverca, no Teatro Estúdio Ildefonso Valério a 26 de Maio
Em Setúbal, no Fórum Luísa Todi a 29 de Agosto
a voz dos poetas prog A VOZ DOS POETAS
Na Biblioteca da Imprensa Nacional
7 de Maio - Gomes Leal por Jorge Silva Melo e Manuel Wiborg
fernando lemos prog FERNANDO LEMOS - como? Não é retrato?
de Jorge Silva Melo
Na RTP2, 9 de Maio às 23h15
EM VOZ ALTA prog EM VOZ ALTA os nossos poetas

Livrinhos de Teatro

capa115

O TEATRO DA AMANTE INGLESA
de Marguerite Duras
Livrinhos de Teatro nº 115 Artistas Unidos/Cotovia

Livraria online »»

Subscrever Newsletter