ASCANIO CELESTINI

ascanio_celestini_aAutor e actor nasceu em Roma em 1972. Estudou literatura e antropologia na Universidade de Roma. A sua formação teatral mistura a commedia dell´arte e a construção de máscaras com a narrativa oral, suas técnicas e tradições. A sua reputação deve-se aos monólogos que tem escrito e representado desde os finais dos anos 90, espectáculos que combinam técnicas narrativas com investigação antropológica. Os seus textos partem de centenas de entrevistas realizadas com testemunhas, sobreviventes dos factos narrados. São diversos os seus assuntos: Cicoria (1998) – escrito em colaboração com Gaetano Ventriglia – abordava Pasolini; La Fine del Mundo (1999) fala da emigração italiana na América; Radio Clandestina (2000), a partir do livro de Alessandro Portelli, aborda o massacre nazi de 335 civis nas Fosse Ardeatine nos arredores de Roma, em Março de 1944. Fábrica (2001) é a história de um trabalho na fábrica a partir das cartas de um operário à mãe: o trabalho heróico do início, o trabalho politizado entre as duas guerras, o trabalho entre máquinas. Saccarina (2001) aborda o ghetto de Lodz durante a Guerra. Em 2000 publicou Cecafumo (Donzelli), uma recolha de contos e lendas populares. Fábrica, livro + CD foi também publicado pela Editora Donzelli em 2003.

Nas Revistas Artistas Unidos:
Fábrica (conto teatral em forma de carta) (Revista nº 11)
As palavras nascem de uma imagem - Conversa com o autor (Revista nº 12)
Contingência, ironia, solidariedade - por Andrea Porcheddu (Revista nº 14)

Nos Artistas Unidos:
2004 -
FABRICA (Teatro Taborda).
2005 -
RADIO CLANDESTINA. Encenação de Ascanio Celestini. (Teatro Taborda).

Teatro da Politécnica

Bilheteira

3ª a Sáb. das 17h00 até ao final do espectáculo

Preços:
Normal | 10 Euros
Descontos | estudantes | – 30 | + 65 | Grupos >10 | Protocolos | Profissionais do espectáculo | Dia do espectador (3ª) - 6 Euros

Bilhetes à venda

No Teatro da Politécnica, Reservas | 961960281, 212473972, www.bol.pt, Fnac, Worten, CTT, El Corte Inglês, Pousadas da Juventude, Serveasy, Pagaqui. Para INFORMAÇÕES/RESERVAS: Ligue 1820 (24 horas).

E fora da Politécnica

a voz dos poetas prog A VOZ DOS POETAS
Biblioteca da Imprensa Nacional (Rua da Escola Politécnica)

23 de Setembro – Mário Cesariny por Maria João Luís e Jorge Silva Melo
11 de Novembro – José Gomes Ferreira por João Meireles (distribuição em curso)

EM VOZ ALTA prog EM VOZ ALTA
os nossos poetas leituras de poesia portuguesa pelos Artistas Unidos

Livrinhos de Teatro

K 124 Enda W

BALLYTURK
de Enda Walsh
Livrinhos de Teatro nº 124 Artistas Unidos/Cotovia

Livraria online »»

Subscrever Newsletter