FAUSTO PARAVIDINO

fausto_paravidino_aNasceu em 1976. Frequentou a Escola de Teatro de Génova. É actor e autor. A sua primeira peça, Trinciapollo, é de 1996 e recebeu imediatamente a atenção da crítica. Durante os anos da Escola, escreveu ainda Gabriele (1998). Com Due Fratelli (1999), recebeu o prémio Tondelli, o mais importante prémio para a dramaturgia contemporânea e, em 2001, o prémio Ubu. Seguiram-se Tutta Colpa di Cupido (com Giampiero Rappa e Lello Arena), La Malattia della Famiglia M (2000, Premio Candoni), Natura Morta in Un Fosso (2001), Genoa 01 (2001) e Noccioline que foi encomendada pelo National Theatre de Londres (2002). Traduziu Um Para o Caminho de Harold Pinter, Henrique V, Sonho de uma Noite de Verão e Ricardo III de Shakespeare. Frequentou em 2000 a International Residency no Royal Court Theatre de Londres. O seu teatro, editado na Ubulibri, está a ser representado um pouco por toda a Europa. Dirigiu uma nova versão de Natura Morta in Un Fosso no Teatro Stabile di Bolzano e, em 2011, La Malattia della Famiglia M em Paris, na Comédie Française. Em Portugal Dois Irmãos foi produzida, em 2010, pelo Grupo de Teatro Palha de Abrantes, com encenação de Helena Bandos.

Nas Revistas Artistas Unidos:
Dois Irmãos
(Revista nº 11)
Natureza Morta numa Vala
(Revista nº 11)
Génova 01 (Revista nº 11)
Um Fugitivo - Conversa com Fausto Paravidino (Revista nº12)
No way out - para uma leitura do teatro de Paravidino - por Clara Rowland (Revista nº12)
Pôr jovens a falar com outros jovens - Conversa com o autor - por Alessandro Tinterri (Revista nº18)
Amendoins (Revista nº18)

Nos Artistas Unidos:
2004 -
DOIS IRMÃOS, encenação de Jorge Silva Melo (Teatro Taborda); OS TEATROS QUE VÊM DE ITÁLIA.
2011 - AMENDOINS (Exercício dos alunos do 2º ano da ACT), dirigido por João Meireles e Jorge Silva Melo (ACT).

Teatro da Politécnica

monica coelho prog ARTISTA DO MÊS
Mónica Coelho
a vertigem dos animais prog A VERTIGEM DOS ANIMAIS ANTES DO ABATE
de 13 de Setembro a 28 de Outubro
xana labirintoX001 prog LABIRINTO X001
de 13 de Setembro a 28 de Outubro
OS MORTOS NÃO BEBEM CHÁ de Damiil Harms foto Catarina Pé Curto prog OS MORTOS NÃO BEBEM CHÁ
a 3 e 4 de Novembro
jardim zoologico de vidro 10 prog JARDIM ZOOLÓGICO DE VIDRO
de 8 a 18 de Novembro

Bilheteira

3ª a Sáb. das 17h00 até ao final do espectáculo

Preços:
Normal | 10 Euros
Descontos | estudantes | – 30 | + 65 | Grupos >10 | Protocolos | Profissionais do espectáculo | Dia do espectador (3ª) - 6 Euros

Bilhetes à venda

No Teatro da Politécnica, Reservas | 961960281, www.ticketline.sapo.pt, Fnac, Worten, C. C. Dolce Vita, El Corte Inglês, Casino Lisboa, Galeria Comercial Campo Pequeno, Lojas Viagens Abreu e INFORMAÇÕES/RESERVAS: Ligue 1820 (24 horas).

E fora da Politécnica

EU FUI MEXER NAS COISAS TODAS 2 prog EU FUI MEXER NAS COISAS TODAS
No Salão Nobre do Palácio do Machadinho de 13 a 15 de Outubro (Rua do Machadinho, 20)
6ª às 22h30 | Sáb. às 21h30 | Dom. às 16h30, com jantar às 21h00 seguido de conversa
jardim zoologico de vidro 10 prog JARDIM ZOOLÓGICO DE VIDRO
Na Guarda, no Teatro Municipal da Guarda a 4 de Novembro
Em Estarreja, no Cine-Teatro de Estarreja a 2 de Dezembro
Em Ponte de Lima, no Teatro Diogo Bernardes a 8 de Dezembro
a arte em imagens 1 A ARTE DAS IMAGENS
De janeiro de 2017 a janeiro de 2018 nos primeiros domingos de cada mês, às 15h30, a Fundação Arpad Szenes - Vieira da Silva exibe os filmes produzidos pelos Artistas Unidos sobre artistas plásticos.

Livrinhos de Teatro

assinaturas 2018 fundo

Assinaturas Livrinhos de Teatro 2018

Assinar »»

Subscrever Newsletter