LETIZIA RUSSO

letizia_russo_aNasceu em Roma em 1980. Escreveu para teatro Niente e Nessuno (Una Cosa Finita), representado em 2000 em Castelnuovo di Farfa, no âmbito do festival “Per Antiche Vie" organizado por Mario Martone, então director do Teatro di Roma; Tomba di Cani (Prémio Tondelli 2001), Asfissia, encomendada pelo "Festival di Candoni - ArtaTerme" (2002). Binario Morto, encomendada pelo National Theatre de Londres (2004), Babele, primeiro texto de uma trilogia sobre o poder. Participou, em 2002, na International Residency do Royal Court de Londres. Escreveu para a rádio: I Conigli Sulla Luna, Lo Spirito Nell'acqua, La Via Del Mare, Qoèlet, Kilmainam Gaol, transmitidos pela Rai3 em 2002. Venceu, em 2003, o prémio UBU como revelação do ano pelo texto Tomba di Cani. É escritora-residente nos Artistas Unidos entre 2004 e 2005 com o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian. Tomba di Cani foi estreada em 2001 na Saletta Gramsci do Teatro de Pistoia com o seguinte elenco: Isa Danieli (Glauce), Peppino Mazzotta (Johnny), Sara Bertelà (Mània), Aram Kian (Vin), Giuliano Amatucci (Terzo Uomo), Federico Pacifici (Luther) e a participação em vídeo de Antonio Casagrande, encenação de Cristina Pezzoli, cenografia de Giacomo Andrico, figurinos Rossana Monti; uma produção do Teatro di Pistoia / Teatro del Tempo Presente. O espectáculo recebeu três nomeações (Isa Danieli, melhor intérprete feminina; Cristina Pezzoli, melhor encenação; Letizia Russo, melhor autor) para o Prémio ETI - Gli Olimpici del Teatro. Isa Danieli venceu na sua categoria. Os Artistas Unidos realizaram leitura de excertos no âmbito do Festival de Almada 2004. A leitura foi dirigida por Pedro Marques e contou com interpretação de Lia Gama, Pedro Marques e Miguel Borges. Fim de Linha (Binario Morto) estreou dia 8 de Julho no Royal National Theatre em Londres, na versão do Bath Theatre Royal Area, uma das catorze escolas de teatro inglesas que escolheram a peça entre as comissionadas pelo Festival Shell Connections. Os Artistas Unidos realizaram uma leitura no âmbito do Festival de Almada 2004 dirigida por Pedro Marques e com interpretação de Américo Silva, Pedro Carraca, José Airosa, Miguel Borges, Sylvie Rocha, António Filipe, Andreia Bento, Joana Bárcia, Carla Galvão e Teresa Sobral.

Da autora nos Livrinhos de Teatro:
Os Animais Domésticos / Túmulo de Cães (nº 10)
Conferência de Imprensa e Outras Aldrabices
(Nº Especial com o texto Poesia Sem Título)

Nas Revistas Artistas Unidos:
Fim de Linha
(Revista nº 11)
Babel
(Revista nº 11)
Inventar uma Realidade - conversa com a autora (Revista nº 12)
Cinco anos de um teatro da matéria e da morte por Letizia Russo - por Tiziano Fratus (Revista nº 14)
Em carne viva Os Animais Domésticos - A cicatriz do meu lado - por Jorge Silva Melo
(Revista nº 14)

Nos Artistas Unidos:
2004 -
OS TEATROS QUE VÊM DE ITÁLIA
2005 - CONFERÊNCIA DE IMPRENSA E OUTRAS ALDRABICES de Harold Pinter, Antonio Tarantino, Arne Sierens, Antonio Onetti, Davide Enia, Duncan McLean, Enda Walsh, Finn Iunker, Irmãos Presniakov, Jon Fosse, José Maria Vieira Mendes, Jorge Silva Melo, Juan Mayorga, Letizia Russo, Marcos Barbosa, Miguel Castro Caldas, Spiro Scimone, uma canção de Boris Vian e outros ainda, encenação de Jorge Silva Melo (Teatro Nacional D. Maria II); OS ANIMAIS DOMÉSTICOS, de Letizia Russo, encenação de Jorge Silva Melo (Teatro Nacional D. Maria II).

Teatro da Politécnica

Bilheteira

3ª a Sáb. das 17h00 até ao final do espectáculo

Preços:
Normal | 10 Euros
Descontos | estudantes | – 30 | + 65 | Grupos >10 | Protocolos | Profissionais do espectáculo | Dia do espectador (3ª) - 6 Euros

Bilhetes à venda

No Teatro da Politécnica, Reservas | 961960281, www.bol.pt, Fnac, Worten, CTT, El Corte Inglês, Pousadas da Juventude, Serveasy, Pagaqui. Para INFORMAÇÕES/RESERVAS: Ligue 1820 (24 horas).

E fora da Politécnica

fragil 1 prog FRÁGIL
Em Sobral de Monte Agraço, no CineTeatro Sobral a 28 de Abril
Em Sintra, no Chão de Oliva a 4 e 5 de Maio
Em Aveiro, no Teatro Gretua a 8 e 9 de Junho

o rapaz de ucello prog

O RAPAZ DE UCELLO ou aquilo que nunca perguntei ao Álvaro Lapa
No Porto, no Auditório de Serralves, 6 de Maio às 18h00

O Teatro da Amante Inglesa prog O TEATRO DA AMANTE INGLESA
Em Évora, n’A Bruxa Teatro a 11 e 12 de Maio
Em Alverca, no Teatro Estúdio Ildefonso Valério a 26 de Maio
Em Setúbal, no Fórum Luísa Todi a 29 de Agosto
a voz dos poetas prog A VOZ DOS POETAS
Na Biblioteca da Imprensa Nacional
7 de Maio - Gomes Leal por Jorge Silva Melo e Manuel Wiborg
fernando lemos prog FERNANDO LEMOS - como? Não é retrato?
de Jorge Silva Melo
Na RTP2, 9 de Maio às 23h15
EM VOZ ALTA prog EM VOZ ALTA os nossos poetas

Livrinhos de Teatro

capa115

O TEATRO DA AMANTE INGLESA
de Marguerite Duras
Livrinhos de Teatro nº 115 Artistas Unidos/Cotovia

Livraria online »»

Subscrever Newsletter