JOÃO FIADEIRO

joao_fiadeiro_aNasceu em Paris em 1965. Filho de pais exilados políticos, passou ainda por Argel, El Salvador e Brasil antes de se instalar em Portugal em 1972.
O seu primeiro contacto com a dança acontece com Rui Horta em 1982 antes de iniciar a sua formação nos cursos de formação profissional do Ballet Gulbenkian em 1983. Em 1984 dá inicio a um período de quatro anos de formação especifica entre Lisboa e Nova Iorque em técnicas de dança clássica e moderna, intercalando com períodos em que foi bailarino na Companhia de Dança de Lisboa. Em 1988 participa em ateliers de coreógrafos pioneiros do movimento pós-modernista americano, como Trisha Brown ou Steve Paxton, que o marcam profundamente. Nesse mesmo ano é convidado a ingressar no elenco do Ballet Gulbenkian onde conhece Vera Mantero e Francisco Camacho com quem funda o Pós d'Arte, um fórum de discussão e reflexão artística. Em 1989 entra em contacto com as metodologias de composição do coreógrafo belga Wim Vanderkeybus que se tornam, juntamente com a técnica "contact-improvisation" aprofundada com Dieter Heitkamp e Howard Sonnenkar em Berlim, nas duas referências mais presentes nos seus primeiros trabalhos. Desde 1995 João Fiadeiro tem dedicado grande parte do seu tempo ao desenvolvimento da metodologia de Composição em Tempo Real, sistema que aplica desde então em todas as suas criações.
Iniciou a sua actividade coreográfica em 1989, com o trabalho Plano para Identificar o Centro para o XII Estúdio Coreográfico do Ballet Gulbenkian. Desde então criou coreografias para inúmeras instituições e escolas, nacionais e estrangeiras. Para a Companhia RE.AL, produtora entretanto fundada em 1990 para dar corpo às suas iniciativas, criou as coreografias Retrato da Memória Enquanto Peso Morto (1990), Solo para Dois Intérpretes (1991), Solos (1992), O que Eu Penso que Ele Pensa que Eu Penso (1992), Branco Sujo (1993), Recentes Desejos Mutilados (1994), Amor ou Sexo (1995), Self(ish) Portrait (1995), O Desejo Ardente Deve Ser Acompanhado por Uma Vontade Firme (1995), Vidas Silenciosas (1997), I Am Sitting in a Room Different From the One You Are In Now (1997), Mindfield (1998), … E Inversamente (1998) O que Eu Sou Não Fui Sozinho (2000), Aicnêtsixe (2001), Existência (2002) e I Am Here a partir da obra de Helena Almeida (2003). Neste mesmo ano colaborou com o cineasta Pedro Costa na realização do filme-conferência The End of a Love Affair.
Entre 1998 e 2003 foi professor de improvisação e composição na licenciatura de dança da Faculdade de Motricidade Humana / Universidade Técnica de Lisboa.

Nos Artistas Unidos:
1995 - ANTÓNIO UM RAPAZ DE LISBOA de Jorge Silva Melo, encenação de Jorge Silva Melo (Gulbenlkian/Tivoli).
1996 - O FIM OU TENDE MISERICÓRDIA DE NÓS de Jorge Silva Melo, encenação de Jorge Silva Melo (Culturgest/Litografia).
1997 - PROMETEU AGRILHOADO/LIBERTADO de Jorge Silva Melo, encenação de Jorge Silva Melo (Teatro da Trindade).
1998 - A TRAGÉDIA DE CORIOLANO de William Shakespeare,,encenação de Jorge Silva Melo (Teatro Rivoli).
A QUEDA DO EGOÍSTA JOHANN FATZER de Bertolt Brecht, encenação de Jorge Silva Melo (Teatro Variedades).
1999 - TORQUATO TASSO de Goethe, encenação de Jorge Silva Melo (Acarte).
2000 - À ESPERA DE GODOT de Samuel Beckett, encenação de João Fiadeiro (Espaço A Capital).
2001 - 4.48 PSICOSE de Sarah Kane,encenação de João Fiadeiro (Espaço A Capital).
2004 - A NOITE CANTA OS SEUS CANTOS, de Jon Fosse, encenação de João Fiadeiro (Teatro Taborda).

Teatro da Politécnica

monica coelho prog ARTISTA DO MÊS
Mónica Coelho
a vertigem dos animais prog A VERTIGEM DOS ANIMAIS ANTES DO ABATE
de 13 de Setembro a 28 de Outubro
xana labirintoX001 prog LABIRINTO X001
de 13 de Setembro a 28 de Outubro
OS MORTOS NÃO BEBEM CHÁ de Damiil Harms foto Catarina Pé Curto prog OS MORTOS NÃO BEBEM CHÁ
a 3 e 4 de Novembro
jardim zoologico de vidro 10 prog JARDIM ZOOLÓGICO DE VIDRO
de 8 a 18 de Novembro

Bilheteira

3ª a Sáb. das 17h00 até ao final do espectáculo

Preços:
Normal | 10 Euros
Descontos | estudantes | – 30 | + 65 | Grupos >10 | Protocolos | Profissionais do espectáculo | Dia do espectador (3ª) - 6 Euros

Bilhetes à venda

No Teatro da Politécnica, Reservas | 961960281, www.ticketline.sapo.pt, Fnac, Worten, C. C. Dolce Vita, El Corte Inglês, Casino Lisboa, Galeria Comercial Campo Pequeno, Lojas Viagens Abreu e INFORMAÇÕES/RESERVAS: Ligue 1820 (24 horas).

E fora da Politécnica

EU FUI MEXER NAS COISAS TODAS 2 prog EU FUI MEXER NAS COISAS TODAS
No Salão Nobre do Palácio do Machadinho de 13 a 15 de Outubro (Rua do Machadinho, 20)
6ª às 22h30 | Sáb. às 21h30 | Dom. às 16h30, com jantar às 21h00 seguido de conversa
jardim zoologico de vidro 10 prog JARDIM ZOOLÓGICO DE VIDRO
Na Guarda, no Teatro Municipal da Guarda a 4 de Novembro
Em Estarreja, no Cine-Teatro de Estarreja a 2 de Dezembro
Em Ponte de Lima, no Teatro Diogo Bernardes a 8 de Dezembro
a arte em imagens 1 A ARTE DAS IMAGENS
De janeiro de 2017 a janeiro de 2018 nos primeiros domingos de cada mês, às 15h30, a Fundação Arpad Szenes - Vieira da Silva exibe os filmes produzidos pelos Artistas Unidos sobre artistas plásticos.

Livrinhos de Teatro

assinaturas 2018 fundo

Assinaturas Livrinhos de Teatro 2018

Assinar »»

Subscrever Newsletter