ANTÓNIO SENA: A MÃO ESQUIVA de Jorge Silva Melo

antoniosenas_a ANTÓNIO SENA: A MÃO ESQUIVA
Com Maria Filomena Molder e João Pinharanda, Imagem José Luís Carvalhosa, Som Armanda Carvalho, Montagem Vítor Alves e Miguel Aguiar, Assistente de realização Joana Frazão, Produção Manuel João Aguas, João Matos, Realização Jorge Silva Melo, Uma produção Artistas Unidos (2009)
Este filme teve o apoio do ICA e apoios da Flad - Fundação Luso Americana para o desenvolvimento, da Fundação EDP e da Fundação de Serralves.

Estreia no DocLisboa a 18 de Outubro de 2009
Na RTP 2 a 30 de Janeiro de 2010
Na Fundação Arpad Szenes - Vieira da Silva a 11 e 18 de Abril de 2010        
Na Universidade Nova de Lisboa (IHA) a 4 de Março de 2010
No Pátio Fundimo (Chiado) a 19 de Maio de 2010
Na Casa das Histórias de Paula Rego a 19 e 20 de Junho de 2010

António Sena expõe desde 1964. Pintor discreto e esquivo, é autor de uma das obras maisconsistentes da arte portuguesa contemporânea.
Serralves realizou em 2003 uma extraordinária exposição-retrospectiva de António Sena.
Eu não o conhecia pessoalmente, nunca o vira; mas conhecia-lhe grande parte da obra discreta, intensa, original.
Sentados à mesma mesa na noite do jantar da inauguração surgiu a ideia de virmos a fazer um documentário sobre o seu trabalho: não um documentário exaustivo, histórico, retrospectivo, mas uma maneira de ver a transformação das formas no tempo.
E fomos filmando: entre 2003 e 2009, na preparação da exposção “Books=Cahiers” que inaugurou na Fundação Vieira da Silva em Julho de 2009.
O que me interessou foi filmar-lhe “a incessante mão”, a mão que escrevinha, rasura, escreve, acrescenta, pinta e apaga ou pinta e inscreve.
Ou a mão que comenta, sublinha, se lembra.
A mão de Maria Filomena Molder que pensa.
Incessantemente.
Para “salvar a biblioteca do incêndio”, na bela formulação de João Lima Pinharanda.
Jorge Silva Melo

Teatro da Politécnica

ARTISTA DO MÊS fevereiro 18 prog ARTISTA DO MÊS
Maria Bernardino
9anos depois prog 9 ANOS DEPOIS a partir da Ilíada
de 13 a 17 de Fevereiro
dramaticulos prog DRAMATÍCULOS
de 22 a 24 de Fevereiro
O Teatro da Amante Inglesa prog O TEATRO DA AMANTE INGLESA
de 7 de Março a 14 de Abril

Bilheteira

3ª a Sáb. das 17h00 até ao final do espectáculo

Preços:
Normal | 10 Euros
Descontos | estudantes | – 30 | + 65 | Grupos >10 | Protocolos | Profissionais do espectáculo | Dia do espectador (3ª) - 6 Euros

Bilhetes à venda

No Teatro da Politécnica, Reservas | 961960281, www.ticketline.sapo.pt, Fnac, Worten, C. C. Dolce Vita, El Corte Inglês, Casino Lisboa, Galeria Comercial Campo Pequeno, Lojas Viagens Abreu e INFORMAÇÕES/RESERVAS: Ligue 1820 (24 horas).

E fora da Politécnica

O GRANDE DIA DA BATALHA prog O GRANDE DIA DA BATALHA variações sobre o ALBERGUE NOCTURNO de Máximo Gorki
No Teatro Nacional D. Maria II de 18 de Janeiro a 25 de Fevereiro
fernando lemos prog FERNANDO LEMOS - Como, não é retrato?
Na Sala Polivalente do Museu Calouste Gulbenkian a 15 de Fevereiro às 18h30
fragil 1 prog FRÁGIL
Em Ponte de Sôr, no Teatro da Terra a 17 Fevereiro
Em Évora, n'A Bruxa Teatro a 2 de Março
Em Sobral de Monte Agraço, no CineTeatro Sobral a 28 de Abril
a voz dos poetas prog A VOZ DOS POETAS
Na Biblioteca da Imprensa Nacional
2 de Abril - Adolfo Casais Monteiro por Jorge Silva Melo e Luís Lucas
9 de Maio - Gomes Leal por Jorge Silva Melo e Manuel Wiborg
EM VOZ ALTA prog EM VOZ ALTA os nossos poetas

Livrinhos de Teatro

capa114

SEM ALARDE
de Owen McCafferty
Livrinhos de Teatro nº114 Artistas Unidos/Cotovia

Livraria online »»

Subscrever Newsletter