IVO CANELAS

Ivo Canelas

Frequentou o Lee Strasberg Theatre and Film Institute em Nova Iorque, como bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian. Da sua actividade em teatro destaca o trabalho com encenadores como Jorge Silva Melo, Diogo Dória, José Wallenstein, Solveig Nordlund, Fernanda Lapa, Clara Andermatt, Marco Martins, Tim Carol e Miguel Seabra. Em cinema e televisão participou em mais de trinta projectos sendo dirigido por Pedro Caldas, Jorge Silva Melo, Artur Serra Araújo, Jorge Paixão da Costa, Leonel Vieira, Ruy Guerra, Manoel de Oliveira, Marco Martins, Luís Alves, António-Pedro Vasconcelos, Henrique Oliveira, Walter Carvalho, Pedro Varela, Vicente Ferraz, Vicente Alves do Ó, Sérgio Graciano e Felix Limardo entre outros.

Nos Artistas Unidos:
1996 – PROMETEU – RASCUNHOS de Jorge Silva Melo, encenação de Jorge Silva Melo (Festival de Almada); O FIM OU TENDE MISERICÓRDIA DE NÓS de Jorge Silva Melo, encenação de Jorge Silva Melo (Culturgest).
1997 – PROMETEU-RASCUNHOS de Jorge Silva Melo encenação de Jorge Silva Melo (Teatro da Comuna); PROMETEU AGRILHOADO/LIBERTADO de Jorge Silva Melo encenação de Jorge Silva Melo (Teatro da Trindade).
1998 – A QUEDA DO EGOÍSTA JOHANN FATZER de Bertolt Brecht, encenação de Jorge Silva Melo (Teatro Variedades).
2000 – O NAVIO DOS NEGROS de Jorge Silva Melo a partir de Herman Melville – encenação de Jorge Silva Melo (Culturgest).
2015 – QUARTETO de Heiner Müller, encenação de Jorge Silva Melo (Teatro da Politécnica).