PEDRO MARQUES

pedro_marques_a

Frequentou o curso de Luminotecnia do I.F.I.C.T. em 1989. É licenciado em Estudos Artísticos – Artes do Espectáculo pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.
Traduziu Harold Pinter, Sarah Kane, Pier Paolo Pasolini, Gregory Motton, Edward Bond, David Harrower, David Greig, Anthony Neilson, Letizia Russo, Gary Owen, Conor McPherson, Gerardjan Rijnders, Sam Sheppard, Samuel Beckett, Federico Garcia Lorca. Foi editor da Revista de teatro Artistas Unidos.
Para além dos trabalhos que dirigiu nos Artistas Unidos, encenou textos de Conor McPherson, Gregory Motton, Gary Owen e Karl Valentin. É autor de Pigs From Hell (Menção Honrosa no Concurso de Novas Dramaturgias do DRAMAT – 2004), Em Sangue, Planeta Beta e D. Carlos por Quadros (encenado por Mário Trigo no Teatro Mosca). É autor de várias adaptações de obras de Edward Bond, Albert Camus, Jorge Amado, Erskine Caldwell. Lecciona a disciplina de História do Teatro e Dramaturgia na Escola de Actores Inimpetus. Como iluminador, trabalhou no Teatro Maizum, Teatro da Malaposta, Teatro do Tejo e Teatro da Cornucópia para além de produções independentes onde se destacam Morrer de José Maria Vieira Mendes e Os Sete Pecados Mortais de Bertolt Brecht.
Frequentou a Escola de Jazz do Hot Clube de Portugal em 1995. É membro fundador dos The Chrome Plated Megaphone of Destiny, grupo musical de pesquisa dedicado à obra de Frank Zappa.

Nos Artistas Unidos:
1998BURACO NEGRO E CÂNCER de Gerardjan Rijnders (com Lut Caenen).
2000AO OLHAR PARA TI (RENASCIDO) DE NOVO de Gregory Motton
RUÍNAS de Sarah Kane – encenação de Jorge Silva Melo (Espaço A Capital).
2001FALTA de Sarah Kane – encenação de Jorge Silva Melo (Espaço A Capital); O SERVIÇO de Harold Pinter (Espaço A Capital); 4.48 PSICOSE de Sarah Kane – encenação de João Fiadeiro (Espaço A Capital); O MEU BLACKIE de Arne Sierens, encenação de Cláudio da Silva Espaço A Capital); OS IRMÃOS GEBOERS de Arne Sierens encenação de Jorge Silva Melo (Espaço A Capital);
2002O AMANTE de Harold Pinter encenação de Jorge Silva Melo (Espaço A Capital); UM PARA O CAMINHO de Harold Pinter, encenação de Pedro Marques (Espaço A Capital); TRAIÇÕES de Harold Pinter encenação de Solveig Nordlund (CCB/ Espaço A Capital); A COLECÇÃO de Harold Pinter, encenação de Artur Ramos (CCB).
2003CADA DIA A CADA UM A LIBERDADE E O REINO, encenação de Jorge Silva Melo – (Sala do Senado da Assembleia da República); CICATRIZES de Anthony Neilson, encenação de Pedro Marques (Teatro Viriato); O CARACAL, de Judith Herzberg, encenação de Alberto Seixas Santos (Teatro Viriato).
2004TERRORISMO dos Irmãos Presniakov, encenação de Jorge Silva Melo (Teatro Taborda; O AMOR DE FEDRA, de Sarah Kane, encenação de Jorge Silva Melo (CCB/ Teatro Taborda); PONTAPÉ DE SAÍDA. DOIS IRMÃOS de Fausto Paravidino.
2005 –
CONFERÊNCIA DE IMPRENSA E OUTRAS ALDRABICES de Harold Pinter, Antonio Tarantino, Arne Sierens, Antonio Onetti, Davide Enia, Duncan McLean, Enda Walsh, Finn Iunker, Irmãos Presniakov, Jon Fosse, José Maria Vieira Mendes, Jorge Silva Melo, Juan Mayorga, Letizia Russo, Marcos Barbosa, Miguel Castro Caldas, Spiro Scimone, uma canção de Boris Vian e outros ainda, encenação de Jorge Silva Melo (Teatro Nacional D. Maria II); A NOVA ORDEM MUNDIAL de Harold Pinter (Teatro Taborda).
2006ORGIA de Pier Paolo Pasolini, encenação de Pedro Marques (Teatro Viriato).
2010CANTIGAS DE UMA NOITE DE VERÃO (Uma peça de amores e desencontros) de David Grieg e Gordon McIntyre, encenação de Francisca Aarflot (Teatro da Trindade).
2012PALÁCIO DO FIM de Judith Thompson (Teatro da Politécnica).