TIAGO DINIS

Nasceu em Coimbra, em 1995. É actor e luminotécnico, com estudos em Teatro e Educação na ESEC, e Teatro e Cinema na ACT School. Realizou o Curso CITAC em 2014/2015. Dirigiu workshops de formação, entrando em espectáculos como encenador, actor e/ou luminotécnico. Realizou estes trabalhos nos grupos CITAC, TEUC, GEFAC, ACT School, ESEC, TCSB, TAGV, entre outros. Especializou-se em luminotecnica para montagem, programação e desenho de luz, entre outros, e em representação nos demais grupos referidos, com prémios de melhor peça e menções honrosas nos festivais FATAL e MITEU para os espectáculos, REORG (2015) de Rodrigo Santos, A Constante Macabra (2016) de Catarina Santana e Os Sapatos (2017) de Margarida Cabral e Cheila Pereira. Participou em CUBO (2014), Nóia (2015), Oriental (2016), Hydra& Orpheu (2018), Itália 3-2 Brasil (2019), Zé Mediano (2020) e O Principezinho (2020/2021), entre outros.